MUNDO DIGITAL 3D

Adaptação a uma nova realidade.

A evolução na tecnologia acompanha diversas áreas do mercado, em especial a de marketing, que se aproveita das últimas tendências para convertê-las em vendas.O assunto da vez é o mundo digital 3D na internet, que desde o lançamento do jogo Second Life não parou de crescer.

Second Life é um jogo de interatividade 3D focado nas relações sociais e proibido para crianças, onde se simula uma “segunda vida” assim como a tradução do título do jogo. A grande sacada era a economia que seria movimentada com esse mercado, já que diversas compras são feitas com dinheiro de verdade, porém a partir de 2008 ele começou a cair no ostracismo e hoje atinge apenas uma pequena parcela de pessoas.

Acompanhando essa onda de realidade virtual, o mundo da música também fez sua contribuição com a banda Gorillaz, criada em 1998, na qual os cantores na verdade são personagens de desenho animado e possuem um universo próprio. A banda não lançava nada desde 2011, porém no ano passado voltou com tudo em seu novo clipe “Saturnz Barz” com experiência 360º em realidade virtual, tornando-se o vídeo mais assistido desse estilo no YouTube nas primeiras 24 horas.

E os personagens criados virtualmente não param por aí. Um dos casos que chamou a atenção nesse ano foi a divulgação de uma repostagem no perfil do instagram da marca Fenty Beauty by Rihanna de uma modelo usando o batom da marca. O que tinha demais? A modelo com perfil no instagram @shudu.gram era o resultado da criação de um programa de modelagem 3D, ou seja, ela não era uma modelo do mundo real.

Além de @shudu.gram, no instagram, também podemos encontrar outras influenciadoras nessa linha virtual e constatar seu poder de influência apenas pelo seu número de seguidores, likes e comentários por foto. Uma delas, a hispano-brasileira Miquela Souza (@lilmiquela) com 1,3 milhões de seguidores.

Miquela é ativista do movimento “Black Lives Matter”, que combate a violência contra pessoas negras, possui listas próprias no Spotify, clipes no Youtube e faz parceria com grandes marcas como Prada e Janis Studios.

Seria essa uma nova era para o marketing? Já é uma prática comum empresas pagarem jogos para ter seu produto anunciado lá dentro e agora elas querem os personagens 3D vestindo seu produto para divulgação nas redes sociais. Sabemos que a sociedade está sempre em constante mudança, ficando a dúvida se essa forma de propaganda veio para ficar ou se é apenas passageira.

Fonte: Sites Techtudo, Bog Lilian Pacce e Jovem Pan FM.